04 junho 2015

Resenha: A Seleção


Não me julguem por só postar a resenha desse livro agora. Sei que foi lançado em 2012, mas eu quase nunca leio lançamentos assim que começam a ser vendidos, por que fica o maior "engarrafamento" na lista de leitura com milhares de blogs falando sobre o mesmo. Pois é, amigos, a concorrência é enorme. Mas eu não poderia deixar de comentar sobre ele. Até porque já estou no terceiro livro (O príncipe. Estou lendo os contos antes da seleção). Aviso desde já que pode conter spoilers, mas nunca serão o suficiente, já que é uma coleção.

A SELEÇÃO
Kiera Cass
Para trinta e cinco garotas, a Seleção é a chance de uma vida. Num futuro em que os Estados Unidos deram lugar ao Estado Americano da China e mais recentemente a Illéa, um país jovem com uma sociedade dividida em castas, a competição que reúne moças de dezesseis e vinte anos de todas as partes para decidir quem se casará com o príncipe é a oportunidade de escapar de uma realidade imposta a elas ainda no berço. É a chance de ser alçada de um mundo de possibilidades reduzidas para um mundo de vestidos deslumbrantes e joias valiosas. De morar em um palácio, conquistar o coração do belo príncipe Maxon e um dia ser a rainha.  Para America Singer, no entanto, uma artista da casta Cinco, estar entre as Selecionadas é um pesadelo. Significa deixar para trás Aspen, o rapaz que realmente ama e que está uma casta abaixo dela. Significa abandonar sua família e seu lar para entrar em uma disputa ferrenha por uma coroa que ela não quer. E viver em um palácio sob a ameaça constante de ataques rebeldes.  Então America conhece pessoalmente o príncipe. Bondoso, educado, engraçado e muito, muito charmoso, Maxon não é nada do que se poderia esperar. Eles formam uma aliança, e, aos poucos, America começa a refletir sobre tudo o que tinha planejado para si mesma e percebe que a vida com que sempre sonhou talvez não seja nada comparada ao futuro que ela nunca tinha ousado imaginar.

Minha Opinião: Tentei adiar a leitura desse livro o máximo que pude. Não o julguei pela capa, que por sinal está belíssima, mas julguei como sendo vazio, já que o príncipe escolheria a sua esposa entre 35 garotas de classes sociais diferentes. Mas confesso que julguei mal, estou amando a história a cada novo volume que termino.

America Singer é a protagonista e narradora da história. O livro começa com o acontecimento que mudou toda a vida da garota de 17 anos, a chegada da carta que a convidaria para a seleção. Eu imaginava que ela faria uma festa ao perceber que finalmente poderia tentar a sua sorte e ser a esposa do próximo rei de Illéa, afinal, era o sonho de qualquer menina ser uma princesa. Ainda mais quando se vive de forma tão humilde quanto ela.



Como uma sobrevivente na quinta casta, America não tinha muitos luxos. A única coisa que realmente mudava seus dias eram os encontros com seu verdadeiro amor, Aspen. Diga-se de passagem que esse rapaz era de uma casta inferior, portanto não era do conhecimento da família dos dois o relacionamento. Nos sonhos dos pais de America, ela se casaria com alguém de casta superior, melhorando assim a sua própria vida e da sua família. Mas não escolhemos quem amamos. Ela também não escolheu amar Aspen, simplesmente aconteceu.

Continuando, America demonstra logo não gostar da idéia de competir com várias meninas para um sorteio que a colocará no palácio como pretendente de um homem que nem conhece.

"Não queria ser da realeza. Não queria ser Um. Não queria nem tentar."
Ela estava mais do que decidida a continuar a viver sua vida como sempre a conheceu. Não precisa de dinheiro, fama e contatos, só queria viver em paz, no anonimato. Mas a opinião da sua mãe era diferente, eles estavam com problemas financeiros (sobreviviam de apresentações que faziam nas festas das pessoas de castas superiores). Aquele era o momento e a oportunidade certa para mudar de vida. America tinha consciência das dificuldades que enfrentava em casa. A comida era milimetricamente dividida. Não havia sobras, e ninguém poderia repetir o prato.

"Nossa casta era a terceira antes do fundo do poço. Éramos artistas. E os artistas e músicos clássicos estavam só três degraus acima da sujeira. Literalmente. Nosso dinheiro era curto, vivíamos na corda bamba e nossa renda dependia muito da mudança de estações."
Não havia outra escolha, ela precisava entrar na seleção, precisava aceitar aquela pequena oportunidade. Aliás, antes de tudo haveria um sorteio. Muitas meninas iriam participar, meninas de toda a Illéa, com rostos, feições e gostos diferentes. Qual seria a chance de sair no sorteio? Quase nula. Depois de pensar muito e de ser praticamente obrigada por Aspen a preencher o formulário, ela decide que não haveria nada de errado nisso. Uma chance em um milhão, quase nada.


America Singer começa a ver a sua vida mudar completamente a partir dessa decisão. Muitas coisas acontecem ao mesmo tempo, e ela acaba desejando chegar logo ao palácio para esquecer tudo o que deixou para trás. É uma história contada com muita delicadeza, riqueza de detalhes e uma sensibilidade realmente tocante. A protagonista nos leva a conhecer como é viver dentro das paredes de um palácio. Sem contar que veremos o quanto meninas podem ser assustadoras quando lutam por alguém. rsrs Pode apostar, é cada uma...

À medida que as eliminações são feitas, vamos percebendo a verdadeira personalidade de todos. Celeste é uma figura intrigante desde o início. É até irônico usar essa palavra, sabendo quanta intriga ela vai gerar entre as concorrentes. Há muito que ler e descobrir. Estou amando a leitura. Não pensava que iria gostar tanto.

Posso fazer das palavras de uma blogueira as minhas: eu pensava que seria um livro bobo, até infantil. Até porque é meio estranho que 35 meninas se hospedem no mesmo lugar para lutar por um príncipe de 19 anos. Indescritível. Chocante até. rsrs Mas a história é muito mais que isso, vocês vão ver. Acredito que muitas já o leram, mas não custa nada dar a opinião.

E vocês, leram? O que acharam dele?

17 comentários:

  1. A seleção foi lançado em 2012 Hay, E nossa, é demais! estou lendo os contos, e estou amando saber tudo pelos olhos do Maxon e do Aspen, é super viciante e sempre dá aquela tristezinha quando acabamos um desses livros viciantes !

    www.byanak.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Erro meu, já consertei. kkk
      É muito triste mesmo, parece que uma parte de nós está morrendo. rsrsrs

      Eliminar
  2. Confesso que sempre tive curiosidade de começar a ler esta série, mas sempre fiquei muito receosa, com medo de me decepcionar.. Podemos dizer que você me incentivou um pouco, mas só um pouquinho... (hihihihi)
    Amei a resenha e as fotos! Seu blog é muito fofinho! Não sei como não vim aqui antes!
    Beijos,
    http://livroseoutraspaixoess.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico muito agradecida pela sua visita.
      \o/ Feliz por ter influenciado alguém a ler alguma coisa. kkkk
      Bjs, retribuirei a visita. <3

      Eliminar
  3. Oi querida, eu nem conhecia esta série de livros e sou muito leitora, pois não só Lia, continuo lendo...Acabei de ler de Karen Mack e Jennifer Kaufman "A AMANTE DE FREUD", da Casa da Palavra. Generos diferentes, mas sempre boas leituras. Virei te visitar ...bjinhos

    ResponderEliminar
  4. Oi Hayanne!
    Não se sinta mal por resenhar este livro só agora. Eu mesma fui lê-lo no começo deste ano ainda :O
    No meu caso, adiei a leitura por estar meio enjoada por todo mundo estar comentando. E pensava que seria bem clichê. Resultado: também me apaixonei imensamente pela leitura. Tão bom quando começamos um livro sem expectativa alguma e acabamos nos surpreendendo, né?
    Gostei muito de conferir sua opinião. :)
    beijos ♥
    nuclear--story.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico muito feliz por não estar sozinha nessa opinião. kkkk
      Normalmente adio minhas leituras por isso mesmo, sempre gosto de ter algo diferente. rsrs Bjs

      Eliminar
  5. Ah realmente eu também achava que era um livro bobo, mas gostei bastante. A Elite é melhor ainda! Quero ler o último, mas meio que já sei o que vai acontecer e vou acabar me decepcionando. Se isso acontecer não vou economizar em meter a língua. kkkkkkkkkkkk
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Kkkkk, entendo sua posição. Normalmente eles são bem previsíveis mesmo. Apesar de serem dois pretendentes, já suspeitamos como termina. É difícil encontrar um livro em que não haja um final feliz com "mocinho" e "mocinha" juntos. kkkk

      Eliminar
  6. Oi!
    Pela sinopse todas acham que se trata de um livro bobo, mas quando estão lendo o livro, vendo seu desenvolvimento, percebem o quanto estavão errada. A leitura é bem fluida e é impossível não ficar curiosa com a continuação, né?
    Beijos

    Construindo Estante || Curta a fan page
    #MêsDosNamorados do Costruindo Estante. Concorra a 1 vale presente de R$ 50,00 da Saraiva.
    Participe!

    ResponderEliminar
  7. Sei que tudo fala mto bem dessa série, mas eu olho para a sinopse e nao me empolga, sabe? Como vc disse, parece ser bobinho... Mas quem sabe um dia eu confira...
    Abraço,
    Alê
    www.alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderEliminar
  8. Olá,
    Eu confesso que gosto bastante desse livro, apesar de possuir vários pontos fracos a leitura é fluída e bacana. Adorei a primeira foto, você que tirou?
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderEliminar
  9. Minha linda, olá! Ainda não li essa coleção e confesso que nunca tive NENHUMA vontade de lê-la. Mas depois de ler suas observações, vejo que te prendeu e foi uma ótima leitura. Quero ficar "instigado" e vidrado nessas páginas também. Quero conhecer as personalidades aos poucos também. Então por isso coloquei na minha lista de leituras, espero ler em breve! :)

    Obrigado pelo post maravilhoso e aviso aqui que voltei para a blogosfera agora com um novo projeto/cantinho totalmente novo em questão de nome, conteúdo, etc. Adorei o Sentido Literário também, está tudo muito lindo aqui, de verdade <3

    Grande beijo!
    Ewerton Lenildo - viajantedasletras.blogspot.com

    ResponderEliminar
  10. Eu tenho e ainda não li. Confesso que tenho um pouco de medo de decepcionar por ler muitas resenhas falando bem, mas quero muito ler para tirar minha própria conclusão :)

    Beijos ♥
    www.meujardimsecreto.com.br

    ResponderEliminar
  11. Realmente eu já li e é um dos meus livros preferidos. Não tem como não se apaixonar pela série/Maxon kkkkk Se eu pudesse faria com que todos lessem, porque é uma história perfeita. Kiera anda sambando e muito por ai, viu?! Beijos.

    Inquietudes Secretas

    ResponderEliminar
  12. Eu nunca li, mas, parece ser muito bom.. Adoro livros, e essa seleção já vai entrar para minha lista.

    http://destinoincertoo.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar

1- Leia antes de comentar;
2- Comentários spam ou com palavrões serão excluídos imediatamente;
3- Deixe o link do seu blog no final do comentário para que eu visite;
4- Anônimos podem comentar, mas deixe o nome no final do texto, por favor. :D

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo